Notícias Mais Antigas

Entidades contra mudanças do Nota Fiscal Paulista

Hoje, muitos estabelecimentos comerciais permitem às instituições colocarem urnas para recolher cupons fiscais para o Programa Nota Fiscal Paulista. Nelas, o cidadão pode doar seu cupom imediatamente após a compra, tornando simples o ato de doar. Com a mudança nas regras estabelecidas pelo Governo do Estado de São Paulo isso não será mais possível.

 

A partir de setembro deste ano, a doação será permitida apenas pelo site e aplicativo do Programa para smartphones. A Kibô, como muitas outras instituições, acredita que colocar uma única opção de doação e excluir a possibilidade de doação anônima é prejudicial às instituições beneficentes que se utilizam dos recursos do programa para manter e expandir seus serviços.

 

Por isso, a Kibô pede a sua ajuda para não deixar isso acontecer. A entidade apoia o Movimento de Apoio à Cidadania Fiscal na campanha “#NotaNaUrna”, pelo direito de doar seus cupons nas urnas, de forma fácil e descomplicada. Acesse http://www.notanaurna.minhasampa.org.br/ e envie seu email para pressionar o Governo de São Paulo para manter a doação pelas urnas!

 

Para saber o impacto que os recursos do Programa Nota Fiscal Paulista têm nas instituições, o Movimento de Apoio à Cidadania Fiscal publicou o Balanço Social do Programa, que pode ser lido na integra em http://impactometro.org.br/balanco-social-2/.